quarta-feira, 10 de julho de 2013

Bolo de Banana - O mais delicioso do mundo!!


Quem é vivo, sempre aparece!
E quem muda completamente de vida também!
Enfim, tudo mudou, nada mudou, principalmente meu gosto por cozinhar.

Estava ontem com o marido fazendo coisinhas na casa nova, quando duas bananas piscaram para mim.
Aquela vontade doida de um bolinho para o café me fez voar no aplicativo do Tudo Gostoso e achei uma receita que parecia fácil.

Acabou que mudei quase tudo nela, então nem vou postar aqui. Mas o fato é que ficou simplesmente o melhor bolo que eu já fiz na vida.
Sérião.

Recomendo fazerem NOW!!

Ingredientes:

- 3 ovos pequenos
- 2 bananas nanicas bem maduras
- 1/2 xícara de chá de óleo
- 1 xícara de chá de açúcar refinado
- 1 xícara de chá de açúcar mascavo
- 1 xícara de chá de farinha de trigo
- 1 xícara de chá de farinha de rosca
- 1/2 colher de sopa de canela em pó
- 1 colher de sopa de fermento em pó

Como fazer:

No liquidificador, coloque os ovos, o óleo, a banana e os açucares. 
Bata por cinco minutos até ficar bem cremoso.
Em um tigela separada, coloque as farinhas, a canela e o fermento. Misture bem.
Agregue a mistura do liquidificador, misturando levemente para ficar aerado.
Unte uma forma com margarina e polvilhe com farinha misturada com um pouco de canela.
Leve ao forno, pré aquecido a 180 graus, por aproximadamente 20 minutos.
Fique de olho no seu forno, porque ele assa rápido e varia de forno para forno.

Apenas a coisa mais deliciosa do universo para comer com um cafézinho!
Façam!!!


quarta-feira, 5 de setembro de 2012

Bolinho de arroz com cebola assado!



Daí que tô de repouso em casa por um motivinho bobo.
Sobrou um monte de arroz e meu pai veio me perguntar o que a gente podia fazer.
Como não tô podendo comer fritura (e ninguém em casa, na verdade), de cara já cortei fazer bolinhos de arroz... maaaaas, dei  uma fuçada e achei várias receitas. Ou seja: era possível.
Então eu fiz uma adaptação de várias fontes e criei a minha própria!
Ficou uma delicia!!!!
(a foto tá meio ruim porque tô sem a máquina, foi com o celular mesmo.. hahaha)

Ingredientes (renderam 9 bolinhos):

- 2 xícaras de chá de arroz cozido
- 1 xícara de chá de farinha de trigo
- 2 ovos
- 1/4  xícara de chá de leite
- meio pacote de sopa de cebola
- 1 colher de chá de fermento em pó
- 1 gema para pincelar

Como fazer:
Forno pré aquecido a 200 graus.
Misture todos os ingredientes com as mãos. Fica uma massa pegajosa mesmo.
Coloque em forminhas untadas (usei  de cupcake) por 20 minutos. Retire, pincele com a gema e depois retorno ao forno por mais 10 minutos.

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

Jantar do Outback e o Pão Australiano!


Essa semana me deu aquela vontade de fazer algo mais elaborado..
Como eu já tinha feito as costelinhas e tava prometendo para uma certa pessoa, resolvi fazer um jantar todo imitando o Outback. Só não deu pra fazer a estrela da casa, a Blomming Onion, porque eu precisaria ir até Itu para achar uma cebola daquele tamanho! hahahaha
Então, o cardápio foi: costelinha ao barbecue, aussie fries (batata frita com cheddar e bacon) e o pão australiano!
As costelinhas, você acha aqui.
A batata eu fiz do jeito mais prático do mundo: comprei bacon em tiras e depois cortei para que ficassem quadradinhos. Fritei com um fiozinho de azeite e depois ainda coloquei uns 30 segundinhos no micro, para que ficassem bem crocantes. Assei as batatas (compradas prontas, já. Dessas pré-cozidas) e depois só coloquei o cheddar e o bacon por cima.
O pão é que exigiu um tico mais de trabalho. Fui atrás da receita e todas que eu vi precisava de uns três tipos de farinha. Nada contra comprar todas elas e me jogar, mas são tipos de farinha que não se usa muito em casa.. ia acabar desperdiçando depois.
Ai, nas andanças pelo google, achei essa aqui do Casa, Coisas e Sabores e achei que era uma boa pra testar.
Minhas impressões: é um pão gostoso, sabor bem parecido com o do Outback, mas não a textura.
É bem fácil de fazer e não requer muitos ingredientes, mas não achei que ficou tão fofinho como eu gostaria.
Enfim, vale a pena tentar (e da próxima, eu tento as outras receitas com mil farinhas.. hahahaha)

Ingredientes:
(rende um pão pequeno - meu pão tem duas receitas)

- 2/3 de xícara de água morna
- 1 colher de sopa de margarina
- 2 colheres de sopa de mel
- 1 e 2/3 de xícara de farinha de trigo (reserve 1/4 de xícara para a sova)
- 1 xícara de farelo de trigo
- 1 colher de sopa rasa de chocolate em pó
- 1 colher de sopa cheia de açúcar mascavo
- 1 pitada de sal
- 1 colher de chá de fermento biológico seco

Como fazer:
Em uma tigela, coloque a farinha de trigo, o farelo de trigo, o chocolate, o açúcar mascavo e o sal.
Misture bem.
Coloque a água morna aos poucos, sempre misturando - primeiro com colher, depois com as mãos mesmo.
Quando tudo estiver bem incorporado,  acrescente a margarina, o mel e o fermento.
Agora já pode começar a sovar, talvez, nesse ponto ela esteja um pouco grudenta. Nesse caso, polvilhe farinha de trigo para ajudar na sova até ela desgrudar um pouco e ficar lisa e macia.
Deixe descansar por cerca de 1-2 horas, sempre coberto.
Para ficar bonitinho, faça cortes na massa e polvilhe farelo de trigo.
Forno pré aquecido em 180 graus, por cerca de 30-40 minutos.
Para fazer a manteiga, eu também segui a dica do Casa: 6 colheres de sopa de manteiga + 5 colheres de sopa de creme de leite + 3 colheres de sopa de mel. Bati tudo no mixer e retornei a geladeira (faça de um dia para o outro ou então leve ao freezer para endurecer).

Olha só que lindão!!



domingo, 17 de junho de 2012

Canelone Invertido a Bolonhesa

Primeiro é preciso pedir desculpas... a foto tá pessima.
Mas quedê que eu acho a máquina? Vai com a do celular mesmo porque essa receita vale MUITO postar!!
Eu vi esse receita da Silvia Negrão no Grupo Culinária-Receitas do Facebook e fiquei pirada pra fazer...
Eu sei que o povo de casa adora uma massa lá em casa e achei que seriam as cobaias perfeitas!
E foram!
Dizer uma coisa: SUCESSO.
Pode não parecer, mas é muuuuuuito leve.
Principalmente se comparado com o canelone normal ou uma macarronada!
Tentem em um domingo, vocês vão gostar.
As quantidades dos ingredientes vão depender de quantas boquinhas vocês vão alimentar.
Aqui embaixo deu um refratário BEM grande (9 pessoas comeram bem, acompanhadas de carne assada).

Ingredientes:
- 500 gramas de macarrão cabelo de anjo (pode ser o espaguete também)
- 750 gramas de mussarela fatiada
- 750 gramas de presunto fatiado
- tempero sazon em pó
- margarina
- 2 saches de molho pronto
- 600 gramas de carne moida
- cebola
- alho
- temperos
- azeite
- queijo ralado

Como fazer:
Comecei processando duas cebolas e dois dentes de alho. Refoguei com um pouco de azeite e depois acrescentei a carne moída com um envelopinho de sazon. Deixei dourar bem e então acrescentei o molho pronto, um copo americano de agua e os temperos usuais (oregano, salsa, etc).
Reservei.

Cozinhei o cabelo de anjo conforme instruções. Após o tempo de cozimento, escorri e acrescentei uma colher de margarina e dois sachets de sazon. Misture bem e reserve.

A montagem é simples: coloque um pouquinho do molho no fundo do refratario. Depois coloque uma fatia de presunto, uma fatia de mussarela e um pouco do macarrao ja cozido e temperado. Enrole bem, como uma panqueca/canelone.
Após preencher o refratario, coloque o restante do molho, cubra com o queijo ralado e leve ao forno por uns 10 minutos, apenas para gratinar.

DELICIA!












segunda-feira, 21 de maio de 2012

Cuca de goiabada com farofa doce

Ontem meus pais me ligaram falando que iam almoçar lá em casa. Quis fazer uma sobremesa rapidex.
Como eu tinha lá uma goiabada que eu comprei pra outra sobremesa tempo atrás e não usei, quis aproveitá-la. Fiz uma busca rápida e encontrei essa receita aqui.
Quando você tem todos os ingredientes em casa, grita bingo, né? hahahaha
Olha, amei a receita. A massa fica super leve e o sabor bem delicado. Todo mundo amou e é bem facinho de fazer.

Ingredientes:
Massa:
- 100 gramas de margarina
- 1 xícara de chá de açúcar
- 3 ovos
- 2 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
- 1 e 1/2 xícara de leite
- 1 colher de sopa de fermento

Recheio:
- 500 grs de goiabada (usei 300 apenas)

Farofa crocante:
- 100 gramas de margarina gelada
- 6 colheres de sopa de açúcar
- 1 colher de sobremesa de canela
- 1 xícara de chá de farinha de trigo

Como fazer:

Massa:
Na batedeira, colocar a margarina e o açúcar. Bater bem até virar um creme. Acrescentar os ovos um a um.
Depois disso, acrescente o leite. Desligue a batedeira e coloque a farinha e o fermento a mão, mexendo bem para misturar por completo.
Unte e enfarinhe uma forma de fundo removível, coloque metade da massa.
Corte a goiabada em fatias, dê uma passadinha na farinha de trigo (para a goiabada não afundar) e cubra com o resto da massa.

Farofa:
Misture tudo com as mãos, até virar uma farofa únida.
Cubra a massa do bolo.

Leve a assadeira em forno pré aquecido, 200 graus. No meu forno, ficou cerca de uma hora, mas vai depender do teu forno. Teste do palito e também ver a crocância da farofa.
Uma dica: eu usei manteiga para fazer a massa e a farofa (ao inves da margarina). A massa ficou otima, mas minha farofa não ficou crocante, acho que porque a margarina a umedeceu muito.
Recomendo fazer com margarina mesmo.

Receita deliciosa para um cafézinho da tarde!!!

segunda-feira, 14 de maio de 2012

Bolo de limão com brigadeiro branco e pasta americana!



Eu tô tentando viver novas experiências. hahaha
Resolvi me aventurar no mundo da pasta americana!
Comprei uma pronta, da Arcolor (e não tô ganhando nada pela propaganda). Segui as instruções e voilá!
Fiz o  primeiro pro chá de bebê da minha futura afilhadinha.
Ai, pra treinar, como a cunhada linda ia fazer aniversário, pedi pra fazer o bolo.
Como já teriamos uma musse de chocolate e um bolo prestigio, optamos por algo sem chocolate.
Sugeri pra cunhada um bolo de limão, pra quebrar os doces todos e pensei em um brigadeiro branco pra recheio.  Ela amou a idéia e preciso dizer que ficou SENSACIONAL!
Bom, fui caçar uma boa receita de bolo de limão e achei no meu sempre amigo, sempre fiel e companheiro Panelaterapia. Uma receita barata, rápida e biquinho de fazer.
A Tati fez a receita com limão siciliano, mas eu não achei. Fiz  do meu  jeito mesmo e ficou DELICIA.
O brigadeiro é receita do mundo mesmo. Não tem dono. =)


Ingredientes:
Bolo:
1 copo de iogurte natural (usei desnatado)

- 1 copo (do iogurte) de óleo
- 3 ovos inteiros
- Suco de dois limões sicilianos   - eu usei 2 Tahiti
- 2 copos (o mesmo do iogurte) de farinha de trigo
- 2 copos (o mesmo do iogurte) de açúcar
- Raspas de 2 limões
- 1 colher de sopa de fermento em pó

Brigadeiro Branco:
- 2 latas de leite condensado
- 2 colheres de sopa de manteiga
- Raspas de 1 limão
- 1/2 caixinha de creme de leite

Como fazer:
Bolo:
Primeiro, você coloca em uma vasilha grande, um a um, o iogurte, o oleo, os ovos e o suco  do limão. Você pode bater na batedeira, mas eu fiz na mão mesmo.
Depois de mexer bem, coloque, aos poucos, sempre mexendo, a farinha, o açucar, as raspas de limão e o fermento.

Forma untada e enfarinha, forno pré aquecido a 180 graus. 
Aquela diquinha, né? Depois de 30 minutos, vai fazendo o teste do palito. No meu forno, levou coisa de 45 minutos.


Brigadeiro  Branco:
Mais fácil impossível: coloque o leite condesado, a manteiga e as raspas de limão  em uma panela, em chama de fogo baixo. Ai precisa de paciência... Vai mexendo até dar o ponto de brigadeiro. Pra quem não tem muuuuita experiência, eu sempre espero ferver e depois que levanta fervura, conto  2 minutinhos.
O segredo é a chama bem baixinha e mexer SEMPRE. Que assim não queima e não faz pelotinha. 
Outra dica do ponto é quando ele começar a desgrudar do fundo da panela.
Depois que der o ponto, desligue o fogo e acrescente o creme de leite.


Para a montagem, gente.. sou demais de novata ainda...mas vamos lá.
Eu asso o bolo em assadeira com fundo removivel, porque fica mais fácil de corta-lo depois.
Corto o bolo no meio com uma faca bem grande. Com a ajuda de um prato grande, reservo a parte de cima.
Como achei a massa do bolo bem molhadinha, não reguei o bolo com nada (e nem precisou, viu?).
Coloquei o brigadeiro, cobri com a parte de cima e pressionei bastante.
Plástico por cima, levei pra geladeira com um peso por cima, para nivelar.

Para usar a pasta americana, é preciso  que o bolo e o recheio estejam frios.
Como eu disse, usei  a pasta americana da Arcolor e segui as instruções.
Ela é BEM fácil de usar, parece uma massinha de modelar mesmo.
Usei corante em gel e dei asas a imaginação.
Para  colar a pasta no bolo, não usei glacê, usei o gel para papel arroz (achei mais fácil e menos enjoadinho).

Depois que você fizer a decoração, o bolo não pode mais ir a geladeira, por causa da pasta, ok?

Vou dizer, SUCESSO total!!
Alguém quer um pedaço?

sábado, 12 de maio de 2012

Pirulitos de Bolacha e Doce de Leite!


Gente.. sumi!
hahahaha
Olha, tenho cozinhado muito, só não tenho vindo aqui postar.
Mas preciso voltar, por mim e por vocês!
Amanhã tem dia das mães e aniversário da cunhada Carol.... então, além do bolo, que eu vou postar depois, resolvi fazer um outro docinho-gracinha!
Essa "receita" eu  já vi em vários lugares, sempre quis testar mas nunca tive oportunidade.
Como eu tô treinando pra fazer o chá de bebê do sobrinho, achei que era hora!
Assim, recheado de doce de leite, fica com gostinho de alfajor.
Mas o gostoso dessa receita é que você pode usar o recheio que quiser, desde que ele seja um pouquinho mais consistente.
Algumas sugestões de recheio:
- doce de leite (tanto o comprado pronto, qto o leite condensado cozido na pressão)
- nutella
- creme de ovomaltine
- creme de amendoim
- Leite condensado cremoso (vende agora igual Moça Fiesta)
- Brigadeiro (qualquer tipo: normal, branco)
- Beijinho
- Bicho de pé

Quanto a bolacha.. eu usei bolacha Maria.
Mas você também pode usar Maisena e ai vai parecer um sorvetinho!
O palito pode ser o de sorvete ou qualquer outro. Eu só achei garfinhos de madeira e usei eles mesmos.

Quanto ao chocolate, bem, eu  não sei temperar (e nem tenho saco..hahah), então eu já compro  o chocolate fracionado que é só derreter e pronto.
Pra ficar mais gostosinho, sempre uso o  blend, que é a mistura do  meio-amargo com o ao leite.

Não tem quantidade e nem receita, né, gente?
Você simplesmente pega uma bolacha, coloca uma quantidade de recheio bacana (não adianta ser zóiudo e botar muito recheio, senão vai vazar). Coloca o palito bem ao centro e cobre com outra bolacha.
Dá uma apertadinha, pro excesso vazar pros lados e então raspa a borda com uma espatula/ colher/ faquinha, pra poder ficar retinho e sem recheio saindo pros lados.

Eu recheei todas as bolachas primeiro pra depois banhar tudo de uma vez.
Acho melhor porque assim o recheio assenta um pouco e se for pra vazar, você ainda tem como corrigir.

Forrei uma assadeira com papel manteiga, banhei a bolacha com ajuda de uma colher (tem que ficar esperto pra ver se a lateral está bem banhada).
Dá uma giradinha pra tirar todo o excesso do chocolate, já cobre com os confeitos e depois repousa no papel manteiga.

O  chocolate fracionado nem precisa de geladeira, a não ser que você esteja com pressa para embalar. Ai eu não recomendo deixar mais que meia hora na geladeira, já é o suficiente e evita o chocolate resfriar muito.

Ai, só comer!!!
Delicia!






segunda-feira, 19 de março de 2012

Cuca Cremosa de Chocolate da Ana Maria Braga!!

Gente!! Que correria é essa???
Olha, depois dos pães de mel, muito coisa mudou!
Na verdade, esse fim de semana foi o chá e eu  fiz mais 90 das belezinhas do post abaixo. Sucesso! hahaha
Mas não é disso que estamos falando... vamos falar de uma outra gostosura?
Então.. daí que não é só a correria que tem ocupado meus dias...  digamos que, bem, tem certo alguém ocupando também.. e como vovó dizia que homem a gente pesca pelo estômago...tô eu aqui, me esforçando pra impressioná-lo.. hahaha
Ontem estávamos  em casa e como sobrou muito chocolate dos pães de mel, resolvi me aventurar. Eu queria mesmo era fazer uma cuca tradicional, mas faltavam algumas coisas.
Então, eu  achei essa receita aqui da Ana Maria Braga.
Curti DEMAIS! Como diria o crítico de plantão...(hahahaha), ela fica BEM melhor gelada. Não recomendo comer quente, porque o gosto do recheio puxa pro mingau. Mas gelada, fica perfeita!
Irmão e cunhada vieram pra tomar um café e aprovaram também.
Achei bem facinho de fazer, viu?
Se eu impressionei ou não o alvo? Acho que teremos que aguardar mais degustações.. hahahahha


Ingredientes:
Recheio:
- 4 colheres de sopa de amido de milho
- 2 colheres de sopa de margarina 
- 1 lata de leite condensado
- 1 lata de creme de leite
- 1 1/2 lata (usa a lata acima como medida) de leite
- 2 colheres de sopa de chocolate em pó


Farofa:
- 1 colher de sobremesa de fermento em pó
- 1 xícara de chá de açúcar
- 100g de chocolate meio amargo ralado
- 320g de farinha de trigo
- 100g de margarina
- Raspas da casca de limão
- 1 ovo 



Como fazer:


Na panela, coloque todos os ingredientes do recheio, misturando bem. Uma dica: dissolva o amido em um pouco de leite, antes de colocar na panela com os outros ingredientes. Ligue em fogo baixo e vá misturando sempre, até levantar fervura e engrossar. Desligue e deixe esfriando.


Em uma tigela grande, coloque todos os ingredientes da farofa, menos a margarina e o ovo. Misture bem com as mãos mesmo. Acrescente então a margarina e o ovo (bata antes) e vá amassando com as pontas dos dedos, até formar uma farofa bem úmida.


Em uma forma redonda de fundo removível, já untada com margarina, coloque metade da farofa e cubra bem o fundo e as laterais da forma. Coloque o recheio (já frio) e depois cubra com o resto da farofa.
Forno pré aquecido a 180 graus. Na receita diz 40 minutos, eu deixei a minha por 1h.


Fica bem crocante, com o recheio BEEEEEEEM cremoso.
Delicia!!!

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

O maravilhoso pão de mel da Lou!



Daí que temos mais um casal lindo se casando na familia!
Ano passado, se vocês lembram, eu fiz os cupcakes do chá de cozinha da Carol (minha cunhada).
Pois bem... Agora teremos o chá de cozinha da Amandinha, a cunhada caçula!
Como eu vou viajar no carnaval e quero fazer outros bolos pro dia, não ia dar tempo de fazer os cupcakes, mas eu queria MUITO fazer algo eu mesma para o chá.
Sim, eu sou cunhada que participa! hahaha
Então eu lembrei da tãããõ falada receita do pão de mel da Lou do Culinária-Receitas. Como os pães de mel podem ser feitos com antecedência, achei uma ótima idéia!
Mal sabia eu que eles ficariam tão maravilhosamente deliciosos!!!
Gente.. vocês TEM que fazer!!

Ingredientes:
Massa:
- 1 xícara de chá de leite quente, mas sem ferver.
- 2 xícaras de chá de farinha de trigo peneirada (240g)
- 1/2 xícara de chá de chocolate em pó peneirado (50g)
- 1 xícara de chá de açúcar mascavo (80g)
- 2 colheres de chá de bicarbonato peneirado
- 1 colher de chá de cravo em pó
- 2 colheres de chá de canela em pó
- 1/2 xícara de chá de mel

Cobertura:
- 500 gramas de chocolate ao leite ou 250 gramas ao leite + 250 gramas meio amargo (dependendo do seu gosto).
Uma dica: comprem o chocolate fracionado, assim não precisa dar choque térmico.
- Importante: a Lou coloca 500 gramas. Eu nunca tinha banhado nada antes e acabou bem indo 1kg. Eu indico que na primeira vez você tenha mais chocolate disponível. =)

Recheio:
você pode usar o que quiser, mas aqui vão algumas sugestões:
- Leite condensado com coco
- Brigadeiro (em ponto mole)
- Doce de leite (com ou sem nozes). A Lou dá a dica de usar um doce de leite mais cremoso, para que não fique seco. Se for cozinhar o leite condensado, não cozinhe por muito tempo.
- Trufa (chocolate derretido com creme de leite e essência)

Como fazer:

Comece preparando as forminhas. Eu usei forminhas no. 2 (6cm). A receita rendeu exatamente 24 unidades. As forminhas que eu tenho são de fundo removível. Achei mais fácil assim.
Se a sua não tiver, unte com margarina e enfarinhe. Reserve.
No meu caso, não untei, nem enfarinhei. Apenas recortei circulos de papel manteiga para cobrir o fundo. Como o fundo é removivel, não fiz nada nas laterais, já que depois era só passar uma faquinha.
Coloque as forminhas dentro de uma assadeira.

Depois de preparar as forminhas, pré aqueça o forno a 180 graus.

Em um tigela realmente grande, coloque, sempre peneirando, nessa ordem: a farinha, o chocolate, o bicarbonato, o cravo e a canela. Acrescente depois o açúcar mascavo. Misture levemente.
Esquente o leite, mas sem ferver (menos de 1 minuto no microondas). Acrescente, mexendo bem. Por último, coloque o mel e misture até ficar bem homogêneo.

Coloque a massa nas forminhas, deixando metade da forminha cheia apenas (eles crescem bem). Nas minhas forminhas, deu uma colher de sopa BEM cheia em cada uma, mas pode varias de forminha pra forminha. O que vale é ter certeza que elas fiquem só metade preenchida.

Leve ao forno por aproximadamente 40 minutos. Após 30 minutos, já pode ir fazendo o teste do palito, quando sair sequinho, tá pronto.
Importante: quando desligar, retire os pães de mel do forno, para que não ressequem. Deixei os meus esfriando por cima da grade do fogão.

Espere esfriar, retire das forminhas e corte-os ao meio.
Recheie com a sua preferência. Eu usei doce de leite mesmo.

Quando estiverem todos prontos, forre uma assadeira com papel manteiga e reserve.
Derreta o chocolate como instruções e banhe os pães usando o garfo próprio, dando batidinhas para retirar o excesso.

Coloque sobre o papel manteiga e espere esfriar/endurecer. Se tiver muito calor, pode colocar um tiquinho na geladeira, mas coisa rápida, não mais que 30 minutos, porque eles ficam branquinhos e não ficam bonitos.

Olha só que coisa deliciosa!!!


Ahhh sim, a decoração fica a seu critério, claro. Você pode nem decorar.. pode usar coco ralado, chocolate branco, confeitos.. Eu usei uns perdidos lá de casa. =)
Para que ficassem bem bonitinhos, embalei um a um com plástico pvc transparente e por fim coloquei nas embalagens!
Achei que ficou mimoso:

Recomendo demais.
Adorei o sabor, achei fácil de fazer e acho que vai agradar.
Fazendo com carinho e com ótima receita, tudo dá certo!!

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Torta Dupla de Chocolate e os M&Ms que derreteram!!

Sabe quando você faz tudo direitinho e a receita, de alguma forma, cisma em sacanear com você?
Pois bem...hahaha
Lembra aquela história de que M&Ms não derretem? TUDO BALELA.
Pro Natal, como viram, eu recorri ao Panelaterapia para várias receitas.
Quando achei essa aqui, logo pensei que era o toque de doce-bem-doce que eu precisava.
Só que eu quis incrementar e botar uns M&Ms para decorar pra dar uma carinha colorida.
Não contava que o transporte ia fazer os benditos suarem e derreterem todos!! hahaha
A torta ficou parecendo um quadro do Miró!!
Mas nada disso fez ela perder o sabor incrivel!

Ingredientes:

Massa:
- 200 gramas de bolacha maizena
- 70 gramas de manteiga sem sal

Recheios:

-250 gramas de chocolate branco
- 400 ml de creme de leite
- 1 colher de sopa de gelatina em pó sem sabor
- 180 gramas de chocolate meio amargo

Decoração:
- Bolacha "Tortinhas"
- Raspas de chocolate, M&Ms (cuidado para não suarem.. haha), crocante, etc.

Como fazer:

Para a massa, triture a bolacha até ficar uma farofa. Misture a manteiga em temperatura ambiente, até ficar uma farofa BEM úmida. Forre todo o fundo de uma forma (de preferencia com fundo removivel).
Nas laterais, use bolachas para decorar. Reserve.

Derreta o chocolate branco no microondas. 30 segundos. Tire e mexa. Se precisar, mais 30 segundos. Não coleque mais tempo para não queimar o chocolate. Misture então o creme de leite e a gelatina em pó já hidratada*
*para hidratar a gelatina, faça como o Panelaterapia ensina:
Adicione a gelatina em pó incolor em 4 colheres (sopa) de água, espere 2 minutos para hidratar e leve ao microondas por 15 segundos para derreter

Coloque esse creme branco sobre a massa e leve a geladeira por 1 hora para firmar.

Depois, derreta o chocolate meio amargo no microondas (do mesmo jeito que o branco). Acrescente o creme de leite e cubra a torta, levando a geladeira novamente.
Ai, é só decorar!

Recomendo muuuuuito.
É deliciosa, sem ser muuuuito doce.
Vale a pena, gente!!

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

Bolo de rocambolinhos!!


Sabe aquela receita que você sempre vê e tem vontade de fazer?
Pois bem... há muito tempo, desde que estava na comunidade culinária-receitas do Orkut eu queria fazer a receita da Célia.
Aproveitei o Natal e fui a forra.
Seguinte, não é bem uma receeeeeita, porque não há muito o que cozinhar (a não ser que você queira fazer o rocambole caseiro).
É mais uma idéia de montagem mesmo.
E a apresentação fica linda!!
Basicamente você vai precisar de rocamboles e do recheio da sua preferência. Ideal que sejam recheios mais consistentes.
Eu fiz de chocolate trufado de chocolate meio amargo e maracujá.

Ingredientes:
- 5 rocamboles da sua preferência (usei chocolate)
Para a trufa de chocolate meio amargo:
- 1 tablete de chocolate meio amargo
- 1/2 lata de creme de leite
(você pode usar a receita que tiver, inclusive usando o conhaque/rum, etc... eu não usei porque não tinha)
Para a trufa de maracujá
- 500 gramas de chocolate branco
- 8 colheres de sopa de suco de maracujá concentrado
- 1/2 lata de creme de leite

Como fazer:

Trufa de chocolate:
Derreta o chocolate no microondas (30 segundos, mexa bastante. Somente se necessário, volte por mais 30 segundos) e depois acrescente o creme de leite. Mexa bastante e reserve.

Trufa de maracujá:
Derreta o chocolate no microondas (30 segundos, mexa bastante. Somente se necessário, volte por mais 30 segundos) e depois acrescente o creme de leite e o suco. Mexa bastante e reserve.

Montagem:
Corte os rocamboles em fatias finas (largura de um dedo, no máximo).
Cubra um refratário com papel/plástico filme transparente.
Forre todo o fundo e as laterais com as fatias de rocambole.
Coloque a ganache de chocolate meio amargo.
Coloque então mais uma camada de rocamboles.
Coloque a ganache de maracujá.
Faça uma última camada de rocamboles.
Cubra com o papel/plástico filme transparente e deixa na geladeira.
Para servir é só desinformar com a ajuda do  filme e então decorar a gosto.
Usei o Leite Condensado Cremoso com bico de confeiteiro.
Você pode usar chantilly, marshmellow, glacê, morangos, fios de ovos, outra camada de ganache.
Basicamente, o que tiver em casa.
=)
Importante...  eu só comprei 4 rocamboles então não ia dar o suficiente para fazer a camada do meio.
Acabei usando um restinho de pão de ló que tinha sobrado da outra sobremesa.
Deu super certo.. então, se apertar ai, já sabem que podem usar bolo no meio.
Olha que delicia!!!

Lembrando que você pode variar o recheio como quiser!
Sobremesa perfeita pra quem não tem muita habilidade no forno/fogão e quer impressionar.
Todo mundo achou lindo.. e delicioso.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

O surpreendente pudim de maria mole diet/light!

Sabe quando você faz aquela receita, só para preencher tabela e no fim ela vira o sucesso da noite?
Pois é.
Minha mãe é diabética e por isso tentei fazer pelo menos duas sobremesas que ela pudesse comer sem culpa.
Achei essa receita aqui, no meu querido Panelaterapia, que achei facinha para converter para diet.
Fiz a receita, despretenciosamente... Depois de um sustinho (a pirex tombou no carro, mas a cumadre consertou o doce..haha), levei o doce para a mesa e ó: CABOU TUDO!
Ficou leve e muito saboroso.
Eu não só recomendo, mas tô dizendo de joelhos: façam!!
Além de fazer sucesso e você ouvir muitos elogios, ainda não vai suar uma gota para fazê-lo. É muuuuuito rápido e prático!
Se você quiser fazer a receita normal, sem ser diet/light, só dar uma checadinha no Panelaterapia.

Ingredientes:

- 1 lata de leite condensado diet
- 1 lata de creme de leite light
- 1 xícara de leite desnatado
- 1 pacote de pó para maria mole diet
- 1 pacote de coco ralado sem açucar

Como fazer:

Ferva o leite e dissolva o pó para maria mole. Misture bem. Leve ao liquidificador e deixa bater por 5 minutos.
Muito importante deixar bater bem, para a consistência.
Acrescente o leite condensado e o creme de leite e bata mais uns dois minutinhos.
Desligue e coloque 3/4 do pacote de coco ralado.
Ai, só levar para a geladeira.
Coloque o restante do coco ralado para decorar.

Olha só que delicinha!

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Macarrão com molho de ragu ao vinho

Mais  uma receita do almoço que fiz pros meus pais e meu irmão e cunhada.
Eu sempre quis fazer Ragu porque eu acho o nome bem chic.
Nada mais é do que uma carninha no vinho!
Mas olha, fica sensacional e dá uma cara diferente pro macarrãozinho de sempre!
Essa receita do Panelaterapia (de novo.. haha) ficou ótima e é muuuuito fácil de fazer!

Ingredientes: (dobrei a receita porque era muita gente):

- 1 kilo e 200 g de carne cortada em cubos (usei paleta bovina - como na original)
- 2 cebolas pequenas picadas
- 4 dentes de alho espremidos
- 2 cenouras picadas miúdinha
- 12 azeitonas verdes picadinhas;
- 2 envelopes de caldo de carne em pó (usei 1 potinho de caldo de carne liquido)
- 4 tomates grandes sem pele e sem semente picados
- 200 ml de vinho tinto seco
- 200 ml de molho ou extrato de tomate sem tempero (usei a lata)
Temperos a gosto: usei sal, oregano, salsa e manjericão.
 
Usei um pacote de macarrão noqui (que não é o noque de bolinha feito de farinha... é uma massa igual fusilli, gravatinha, padre nosso, etc), mas  você pode usar a massa que quiser. Bom que seja uma massa que "agarre" bem a carne.
 
Como fazer:
 
Fiz o tempero da carne exatamente como a receita original.
Temperei duas horas antes com sal, alho e shoyu.
 
Em um pouco de azeite, refoguei a cebola e o alho. Depois, coloquei os cubos de carne e deixei dourarem bem.
Acrescentei as cenouras e as azeitonas. Após uns poucos minutos de mais refogada, acrescentei os tomates. Esperei soltar um pouco da agua e então coloquei o caldo de carne, o vinho, os temperinhos e o molho.
Misturei tudo muito bem misturadinho.
Deixei em fogo baixo, panela tampada, até que a carne ficasse beeeeem molinha.
Acho que levou coisa de 40 minutos.
Se você tiver com pressa, pode usar a dica da receita original e usar a panela de pressão.

Com a carne bem molinha, desliguei o fogão.
Desfiei a carne.
Voltei ela para dentro do molho e deixei mais uns bons 20 minutos em fogo baixo, até engrossar bem.
Ai é só colocar na massa e se deliciar!

Foi sucesso, viu?
O gostinho do vinho dá um toque bem diferente e muito saboroso!
Com certeza, farei novamente!
Recomendo muuuuuito!

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Sorvete de Danoninho!

Então que eu sou prevenida, né?
Não sei porquê, mas algo me disse que só o fudge não seria sobremesa suficiente para o almoço que eu fiz no outro domingo.... (mal sabia que eu bem ia jogar todos os  fudges no chão)
Eu já tinha feito a Mousse de Danoninho várias vezes, então sabia que era delicia, mas nunca tinha feito como sorvete.
A receita do Panelaterapia parecia a chance perfeita de testar.

Ingredientes:
*importante*: como minha mãe é diabética, fiz a versão light/diet. Para a versão normal, só usar os produtos normais mesmo.

- 2 latas de creme de leite light
- 1/2 lata de leite condensado diet
- 1 pote de iogurte natural desnatado
- 1 pacote de suco de morango diet/light (usei Clight)

Como fazer:

Bater tudo no liquidificador por uns 3 minutos e levar para o congelador de um dia para o outro.

Recomendo DEMAIS!
Primeiro porque é baratinho e muito, muito fácil de fazer.
Segundo porque o sabor é realmente delicioso. Fica muito parecido com aquele Danoninho Ice que vem com os palitinhos. Mas muito mesmo.
Eu, particularmente, amei a textura. Porque fica com textura de sorvete, mas bem cremoso ao colocar na boca.
Não deu nem pro cheiro.

P.s: Tive que fazer uma cirurgia de emergencia essa semana, entao estou um pouco afastadinha. Mais  informações, no Bikini ai ao lado.

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Gravity Fudge!

(gente, eu sumi porque tava me mudando de casa, sem cozinha, aquela vida...)

O que dizer dessa receita? Eh das nossas!! haha
Simplesmente deliciosa e pratica demais. Qualquer um faz, gente! Nao tem segredo!
Esse fim de semana eu recebi meus pais, meu irmao e a cunhada para almocar e queria fazer algo diferentinho... Quando eu vi essa receita no Panelaterapia, eu tinha que testar!
Eu so nao sabia da tragedia que viria a seguir.
Estava toda feliz que a familia ia adorar e devorar... fui tirar o prato da geladeira para servir e CATAPOF!
Todos meus lindos fudges no chao, cobertos por caquinhos de vidro!
Eu resolvi rebatiza-los de Gravity Fudge, porque a maldita gravidade exerceu toda sua forca.. hahaha

Ingredientes (eu dobrei a receita original e deu cerca de 20 quadradinhos)

- 1 barra (160grs) de chocolate meio amargo
- 1 barra (160grs) de chocolate ao leite
- 2 colheres de sopa de mel
- 4 colheres de sopa de doce de leite
- Nozes picadas (a receita original eh com peca, mas voce pode usar o que tiver a mao... castanhas, avelas, etc...)

Como fazer:

Derreta o chocolate (uso o micro.. coloco 30 segundos, tiro, mexo um pouco, mais 30 segundos.. ate derreter, sem queimar).
Acrescente todos os outros ingredientes. Misture bem.
Forre uma assadeira com papel manteiga e unte, levemente, com oleo.
Coloque a massa espalhando bem. Geladeira por 30 minutos.
Corte em quadradinhos e coma ate morrer.

Em uma unica dica: FACAM NOW!
Voces vao amar!
(so nao derrubem no chao)

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Torta de cebola e carne!


Namorado adora uma torta, já disse pra voces...
Dai que eu queria fazer uma torta diferente e ataquei o livro Culinaria Expressa novamente!
Quando eu vi torta de cebola eu fiquei com o pé atrás, mas tentada.. já que é pra ser diferente.. entao, vamos ser MESMO, ne?
hahaha

Ingredientes:

Massa podre:
- 225 gramas de farinha de trigo
- uma pitada de sal
- 125 gramas de manteiga sem sal
- 2 colheres de sopa de agua

Recheio:
- 1 colher de sopa de azeite
- 4 cebolas em fatias
- 1 colher de sopa de farinha de trigo
- 300 ml de leite
- 2 colheres de chá de páprica doce (nao coloquei porque nao tinha.. nao substitui com nada)
- 1 ovo levemente batido
- 200 gramas de carne picadinha, refogada no azeite e com caldo de carne em pó (nao faz parte da receita original, mas eu tinha, coloquei e ficou ótimo!! haha)

Como fazer:

Massa:
Misture a farinha com o sal. Corte a manteiga em cubinhos e vá amassando a manteiga junto com a farinha, com as pontas dos dedos, até formar uma farofa bem umida. Acrescente a agua e sove bem. A massa formará uma bola lisa, que desgudará fácil das maos. Cubra e leve para geladeira por meia hora.
Retire da geladeira e abra sobre uma forma (de preferencia com fundo removivel). Cubra o fundo e cerca de um dedo das laterais.
Fure o fundo com um garfo algumas vezes.  Cubra a massa com papel manteiga e por cima coloque feijoes crus. Leve ao forno pre aquecido em 200 graus por 15- 20 minutos ou até quando a borda dourar.
Retire do forno, retire os feijoes e o papel manteiga. Pincele a gema do ovo por toda a massa e volte ao forno por mais 10-15 minutos. Retire do forno e reserve.

Recheio:
Em uma frigideira BEM grande (ou panela anti aderente), esquente o azeite e refogue as cebolas até ficarem transparentes e macias. Refogue em fogo baixo para que cozinhem sem dourar.
Quando estiverem bem refogadas, desligue a chama do fogao.
Polvilhe a farinha de trigo e misture bem com uma colher de pau.
Acrescente um pouco do leite e misture até ficar uniforme.
Acenda a chama novamente e coloque o sal (se tiver a paprica, tambem) e o restante do leite.
(aqui eu acrescentei a carne tambem).
Vá mexendo até engrossar bem.

Coloque o recheio sobre a massa já assada (que voce reservou antes) e volte para o forno pre aquecido em 180 graus por mais uns 20 minutos ou até dourar bem.

Ficou parecendo uma pizza.. LINDA!!


Gente.. voces nao fazem ideia!
O sabor da cebola com a cremosidade do recheio é sensacional. Eu e namorados comemos a torta todinha em um dia só!! Maravilhosa como acompanhamento!
Amei!!

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Muffin de queijo e bacon!


De aniversario de 30 anos, Carol e Caio me deram de presente um livro de culinaria maravilhoso. Culinaria Expressa, da Publifolha!
Estou desde setembro ensaiando estreia-lo.. pois bem..no fim de semana, queria uma coisinha gostosa e rapidinha e lá fui eu folhea-lo.
A receita está na pagina 148 e é simplesmente deliciosa!!

Ingredientes:
- 150 gramas de bacon em fatias (eu usei aquele que vem em cubinhos, ja comprado pronto)
- 200 gramas de queijo prato em cubinhos
- 125 gramas de farinha de rosca
- Cebolinha picada (usei oregano pois nao tinha cebolinha)
- 3 ovos batidos
- sal a gosto
- 100 ml de leite

Com fazer:

Comece fritando o bacon na propria gordura. Quando tiver dourado, retire e reserve (assim ele seca um pouquinho).
Em uma tigela, coloque o queijo, a farinha de rosca, o oregano, sal, leite e os ovos batidos.
Misture bem.
Acrescente o bacon.
Leve ao forno, pre aquecido em 190 graus, por cerca de 25 minutos ou até dourar.

Eu fiz os meus na forma de cupcake e renderam oito bolinhos.

Eu, particularmente, achei o gosto de queijo bem acentuado. Ficou bem macio e saboroso, alem de ser muito fácil de fazer... talvez, de uma proxima vez, eu diminua um pouco a quantidade de queijo ou coloque outro tipo de frios junto, para quebrar um pouco o sabor forte de queijo.

Pra quem gosta de coisas...er.."queijudas", é um prato cheio!

domingo, 23 de outubro de 2011

Estrogonofe de frango fácil!!

Estou em clima de mudanca e precisava limpa uns filets de frango que estavam no congelador...
Aproveitei essa receita aqui e fiz a versao meia-receita, com frango, pro almocinho de domingo!

Ingredientes:

- 1/2 kilo de filet de frango picado
- 1/2 pacote de sopa de cebola (o pó)
- 1 colheres de sopa de oleo (usei azeite)
- 1/2 cebola picada
- 1 xicara de chá de polpa de tomate (uma lata)
- 1 colher de sopa de ketchup
- 1/2 colher de sopa de mostarda
- 1/2 xicara de cha de champignon picado
- 1/2 lata de creme de leite (usei 3 colheres de sopa cheias)
Como fazer:
Tempere a frango com a sopa de cebola.
Em uma panela, em fogo médio, aqueça o oleo e doure o frango. Quando já estiver dourado, acrescente a cebola e termine de dourar.
Adicione então a polpa de tomate, o ketchup, a mostarda e o champignon, misturando bem.
Refogue em fogo baixo por cerca de 10 minutos.
Desligue o fogo e acrescente o creme de leite.
Eu uso pouco (por isso fica mais vermelhinho) porque acho o creme de leite bem gorduroso e nem muda tanto o sabor!
Essa receita é sempre sucesso!
E eu sempre me surpreendo como é rapida de fazer!!

sexta-feira, 7 de outubro de 2011

Bolinho assado de mandioquinha com carne moida

Cheguei em casa com uma vontade que eu não sabia do que era.
Já tiveram disso? hahaha
Enfim, vi na geladeira as mandioquinhas quaaaaaaaase passando então resolvi usar a imaginação.
Usando a receita da Tati como base (que eu fiz aqui), troquei as batatas pela mandioquinha e o atum pela carne moida e só posso dizer uma coisa: NHAM!

Ingredientes:

- 5 mandioquinhas cozidas (ou batata baroa, como preferir) - Nota: eu não pesei porque fiz na pressa, mas algo como duas batatas inglesas grandes cozidas.. mesma quantidade
- 300 gramas de carne moida
- 1 cebola picada
- alho a gosto
- azeite
- 4 colheres de sopa de farinha de rosca
- 1 ovo
- 1 pacote de caldo em pó (usei o de costela e recomendo)
- temperinhos a gosto (para a carne)

Como fazer:
Cozinhe as madioquinhas e passe no expremedor como se fosse fazer um pure e reserve.
Em uma frigideira a parte, refogue a carne no azeite com a cebola, o alho, os temperos verdes e sal.]
Espere esfriar.
Agregue a carne com a mandioquinha, acrescente o ovo batido, o caldo em pó e por ultimo a farinha de rosca.
Modele os bolinhos com a mao ou com a colher e coloque em assadeira anti aderente ou untada.
Forno pre aquecido a 230 graus. No meu ficou 20 minutos de um lado e 20 minutos do outro.

Vou dizer... a foto ficou feia porque o cheiro tava tão bom que eu não quis esperar.. hahaha
E eu, sem vergonha, confesso que comi tudo sozinha em dois dias.
(meu estomago é micro, lembrem).
Otimo para criancas e delicioso pros marmanjos!
hahahaha

domingo, 2 de outubro de 2011

Bisnaguinha de leite - com calabresa e com banana!

O sábado amanheceu cinzinha. Todo nublado.
Namorado dormindo e eu, que acordei com as galinhas, fui vasculhar os armarios para me distrair.
Achei um pacotinho de fermento pra vencer e foi ele que decidiu por mim que eu ia fazer pao! hahaha
Eu tenho a colecao Dona Benta vendida pela Avon e fui logo na parte de paes doces e salgados.
Achei a receita abaixo beeeeem facinho!! Ai, aquela coisa.. tinha um banana ali madura demais e uma calabresa rodando na geladeira...
Resolvi fazer umas recheadas de banana e canela e outros de calabresa com cebola!!
Para aquecer os estomaguinhos em dias de nublado!

Ingredientes:

- 4 xicaras de chá (bem cheias) de farinha de trigo
- 1 envelope (10 gramas) de fermento biologico seco
- 1 colher de café de sal
- 5 colheres de sopa de acucar
- 2 ovos levemente batidos
- 1/2 xicara de chá de leite amornado
- 100 gramas de manteiga em temperatura ambiente
- 1 gema batida com 1 colher de sopa de agua para pincelar

Recheio pode usar o que tiver (ou nada): presunto e queijo, goiabada, banana com canela, calabresa acebolada, etc...

Como fazer:
Misture a farinha com o fermento, o sal e o acucar.
Adicione os ovos, o leite e a manteiga e amasse até obter uma bola macia, que desprenda das maos.
Sove por mais 5-10 minutos, coloque em uma tigela untada com oleo, cubra com filme plastico e reserve até dobrar de volume.
Sove a massa novamente e separe em 24 porcoes (aprox).
Modele as bisnaguinhas (nessa hora, acrescente o recheio) e as coloque em assadeira untada, com espaco entre elas para que crescam.
Picele com a gema batida e reserve ate dobrar volume novamente.
Leve para forno pre aquecido a 180 graus por aproximadamente 20 minutos (ou ate dourar).

Alguns comentarios:
eu nao tinha manteiga, só margarina.. tambem só tinha leite em pó. Nao sei se isso pode ter feito diferenca, mas meus paes nao cresceram praticamente nada. Tambem o frio nao ajudou.
Achei a massa muito boa de trabalhar e com otimo sabor, mas a minha, especiamente, ficou um tiquinho dura pro dia seguinte.
Recomendo seguirem a receita acima (do livro) a risca!
=)

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Estrogonofe Prático!

Sabe quando você acorda com uma vontade ENORME de comer algo especifico?
Pois bem. No domingo passado eu acordei com desejo de estronofre.
Ataquei as minhas referencias gastronomicas e achei essa receita na revista "Receitas Tradicionais - Receitas Práticas", Ano 3, no4 - 2010.
O que me chamou a atenção é que não precisou flambar e como eu não estava disposta a me aventurar na fogueira.. ops.. cozinha.. (hahaha), achei perfeita.

Segundo o namorado, foi um dos melhores estrogonofes que ele já comeu. Achei suspeito, mas meu ego aceitou como verdade.. hahaha
Embora, eu tenha que confessar, que ficou realmente muito gostoso!!

Ingredientes:

- 1 kilo de alcatra
- 1/2 pacote de sopa de cebola (o pó)
- 2 colheres de sopa de oleo (usei azeite)
- 1 cebola picada
- 2 xicaras de chá de polpa de tomate (dá, praticamente, duas latas)
- 2 colheres de sopa de ketchup
- 1 colher de sopa de mostarda
- 1 xicara de cha de champignon picado
- 1 lata de creme de leite (usei o light)

Como fazer:
Tempere a carne com a sopa de cebola.
Em uma panela, em fogo médio, aqueça o oleo e doure a carne. Quando já estiver um pouco dourada, acrescente a cebola e termine de dourar.
Adicione então a polpa de tomate, o ketchup, a mostarda e o champignon, misturando bem.
Refogue em fogo baixo por cerca de 10 minutos.
Desligue o fogo e acrescente o creme de leite.
(eu coloquei menos que uma lata porque nao gosto muito do creme de leite, mas fica de cada um).

Sensacional. Mesmo, mesmo.
Tudo em uma panela só, um arroz branco e batata palha bem simples pra acompanhar e você tem um almoção de domingo.
Namorado amou, eu matei a vontade e ficamos jiboiando a comida.
hahahahaha

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Picadinho simples da Tata!

É até sem vergonhice chamar de receita! haha
Porque, no fim, é aquele joga-tudo-na-panela e pá.
Mas, como eu imagino que tem gente que tá começando a cozinhar e não tem muita noção de medida, então, vou colocar aqui uma receitinha BEM simples e básica, boa para comer com um arrozinho branco.

Ingredientes:

- 300 gramas de coxão mole BEM picadinho. Eu já comprei pronto, mas se você comprar a peça, corte miudinho mesmo.
- 2 colheres de sopa (de mae) de azeite
- 1 sachê de caldo de carne sabor costela, em pó (acho que dá pra fazer com outros sabores, mas o de costela é campeão)
- 1 cebola cortada em rodelas
- 1 tomate cortado em cubinhos (não uso a parte do meio, com as sementes, só a casca dura de fora)
- 2 batatas grandes + 1 cubo de caldo de carne

Como fazer:

Comecei picando as batatas em cubinhos em uma panela pequena, com agua suficiente para cobrir e um cubinho de caldo de carne. Sim, eu uso cubos de caldo. Kill me. hahaha Assim, nao uso sempre, faz mal pra saude, sodio, bla bla bla whiskas sachet.. mas para voce, dona de casa solteira e na correria, como eu, é uma mao na roda. Entao, sem churumelas, certo?
A batata deve estar cozida em coisa de 20 minutos, mas vá testando com o garfo. Ideal é que fique meio durinha ainda. 
Enquanto a batata cozinhava, coloquei o azeite na frigideira anti aderente e a carne. Isso, sem tempero mesmo. A ideia é deixar o suficiente para que a carne dê uma seladinha.. doure, mas sem cozinhar por completo. Coisa de 5 minutinhos.
Então, polvilhei todo o caldo em pó de costela e deixei por mais uns 15 minutos. Até dourar bem e reduzir o caldinho (pq a carne solta agua).
Só então acrescentei a cebola. Não coloque a cebola antes porque ela solta muita agua.
Enfim, refogue por mais uns 5 minutinhos ou o tempo que a cebola demorar para cozinhar.
Acrescente as batatas ja cozidas e deixe por mais uns 5 minutos, para agregar sabor.
Desligue a chama e misture os tomates picados.

Botei batatas palhas porque sou gordinha e gosto do crócantchy.
hahahaha

Rapidinho, facinho, suja só duas panelinhas e enche a barriga com satisfação!

domingo, 25 de setembro de 2011

Pao de Forma Recheado: Torta do Clóvis!!

Esse nao foi eu que fiz, mas tinha que postar porque ficou demais de gostoso!
Quem fez foi o mestre cuca lá de casa, meu pai: Clóóóóóóvis! =)
Cheguei na sexta passada e ele tava com a receitinha separada, ingredientes comprados e cheio de vontade de fazer.. uma graca!

Vale muuuuuito a pena naqueles dias que o tempo tá curto e a paciencia pra cozinhar tambem!

Ingredientes:

- 2 paes de forma sem casca
- 250 gramas de maionese
- 1 litro de leite
- 5 ovos
- 50 gramas de queijo ralado
- Presunto e queijo em fatias (pode ser frango desfiado, atum, etc)
- cenoura ralada
- sal a gosto

Como fazer:

Comece batendo no liquidificador os ovos, com o leite, sal e o queijo ralado. Separe.
Agora, BEM dificil, hein.. hahaha
Coloque os paes de forma no fundo do refratario, cubra com maionese. Coloque a cenoura ralada, as fatias de presunto, de queijo.
Repita as camadas até completar o refratario.
Cubra com a mistura reservada. Polvilhe um pouco de queijo ralado e leve ao forno, pre aquecido, 220 graus, por cerca de 30-40 minutos ou até dourar.
Olha que lindo:

Maravilhoso!
Fica leve e beeeeeem saboroso!
Papai matou a pau!
hahaha

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Torta de Couve Flor e Carne Desfiada

Namorado é um torta-lover.
E como eu sou uma namorada-lover (hahaha), sempre procuro receitinhas para agradá-lo.
Tinhamos lá uma couve flor na geladeira e um restinho de carne desfiada que eu tinha feito no outro dia.
Quer coisa melhor pra fazer com isso do que torta?
Achei essa receita aqui da Lele, facinha, pra testar.
Gente, comemos TODINHA!

Ingredientes:
- 1 xícara de chá de óleo
- 50 grs. de queijo ralado
- 3 ovos
- 1 e 1/2 xícara de chá de leite
- 2 xícaras de chá de farinha de trigo
- 1 colher de sopa de fermento pó royal
- Sal, cebola, alho e outros temperos que quiserem para saborizar a massa. Usei a sugestão da receita original e coloquei 2 colheres de sopa de creme de cebola (ou sopa de cebola, aquela do pacotinho)

Para o recheio usei uma couve flor cozida com um tabletinho de legumes, ao dente, picadinha.. e o restinho da carne desfiada.

Como fazer:

Bater todos os ingredientes da massa no liquidificador, sempre deixando o fermento por ultimo.
Forma untada e farinhada. Coloque metade da massa, o recheio e depois cubra com o restante da massa.
Ainda salpiquei um pouco de queijo ralado.
Forno pré aquecido, 220 graus, até dourar. No meu ficou 35 minutos, mas depois de 30 minutos, vá verificando a cada 5 minutos, porque depende do forno.

Deliciosa.
Como a couve flor não tem sabor forte, uma ótima pedida para enganar as crianças!
O toque do creme de cebola na massa fez toda uma diferença!
Namorado torta-lover adorou!

terça-feira, 13 de setembro de 2011

Massa de bolo simples, sem ovos!

Essa semana do feriado, namorado passou todinha em Santos.
Em um dos dias, quis fazer uma surpresinha e assar uns mini bolinhos para ele comer quentinho no café.
Quem disse que tinha ovo em casa?
Pois é, não tinha.
Corre eu para internet achar algo fácil e prático... preferenciamente rápido que eu pudesse testar.
Encontrei essa receita do Tudo Gostoso e fiquei extremamente feliz com o resultado!

Vou colocar a receita na integra, mas eu fiz meia receita que rendeu, exatamente, seis bolinhos nas forminhas de cupcake (logo, imagino que a receita toda - como postada abaixo - renda 12 bolinhos).

Ingredientes:
- 12 colheres de sopa de farinha de trigo
- 9 colheres de sopa de açúcar
- 1 colher de sopa de fermento
- 1 copo de leite (ou uma xicara de chá)
- 1 colher e 1/2 de sopa de margarina ou manteiga
(eu ainda coloquei 1/2 colher de chá de essenecia de baunilha por meu gosto mesmo)

Como fazer:
Misture o açucar com a manteiga até ficar homogeneo.
Acrescente todos os outros ingredientes, deixando o fermento por ultimo.
Fiz na batedeira, mas acho que dá pra fazer na mao tranquilamente.
Se for fazer em forma normal, só untar e enfarinhar.
Eu coloquei direto nas forminhas de cupcake.
Forno 200 graus, pre aquecido. No meu forno, ficaram meia hora certinho. Vá checando os seus depois de uns 25 minutos.

Eu ainda coloquei um tabletinho de chocolate em cada um deles, que, mesmo passado na farinha, acabou descendo pro fundo.. =(
Nunca sei qdo eles vao descer ou nao... hahaha

Enfim, a receita tá suuuuper aprovada.
Otima para quem tem restrição de consumo de ovos e delicioso para tomar com um cafézinho, assim mesmo, simples.

domingo, 11 de setembro de 2011

Macarrao com calabresa moida!

Daí que me deu uma vontade doida de comer macarrao. E eu sempre faco macarrao com molho vermelho, beeeem temperadinho... com muita cebola.
Tenho que confessar que sou dessas pessoas que se limita com os ingredientes as vezes.. e eu nao sei cozinhar sem cebola. Eu sei, eu sei.. Mas, ne? Limitacao, minha gente.
Pois bem, fui olhar a geladeira.. quede que tinha cebola?
Nao tinha!
Entao, inspirada por todos os programas do Jamie Oliver, Nigella e Top Chefs da vida, eu resolvi jogar um monte de coisa na panela e preciso dizer, sem humildade alguma: O melhor macarrao que eu já fiz na vida!!

Fiz uma porcao pra duas pessoas e fui fazendo sem medir direito os ingredientes, entao, nao se apeguem muito na quantia dos ingredientes.
Eu tambem nao descobri a polvora, basicamente, dei sorte na mistura dos ingredientes e perdi meu medo de comer macarrao sem molho vermelho! haha
Ahhh estou liberta do uso da cebola! É possivel ser feliz sem ela.. hahaha

Ingredientes:

- Meio pacote de macarrao parafuso
- Azeite
- 1 e 1/2 colher de sopa de alho picadinho
- Bacon a gosto
-1 gomo e meio e calabresa moida
- Azeitona a gosto
- Um pimentao pequeno picado
- 2 tomates picados
- Uma porcao de vagem cozida e picadinha (uma porcao mesmo, medida com a mao.. usei porque tinha em casa)
- Orégano e Manjerona a gosto
- Queijo ralado para servir

Como fazer:

Comecei moendo a calabresa no meu pequeno valente (como eu chamo o mini processador aqui de casa..haha).
Em uma panela bem grande, aqueci umas tres colheres de sopa de azeite e refoguei o alho por uns 2 minutos. Acrescentei o bacon,  a calabresa moida, as azeitonas e o pimentao e deixei em fogo baixo, refogando, por cerca de uns 10 minutos.
Por fim, acrescentei o macarrao já cozido, o orégano, a manjerona, a vagem e os tomates e misturei bem, refogando por cerca de 2-3 minutos, só o tempo de aquecer mesmo.
Na hora de servir, um fiozinho de azeite cru e um pouquinho de queijo ralado.

Rápido e deliciosamente perfeito!!
Eu, que nem curto muito alho e calabresa, comi uma porcaozona... maior do que meu estomaguinho!
AMEI!

segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Filet de peixe com batatas super fácil!

Tem muito tempo que estou querendo provar essa receita.
Eu a vi na comunidade, com um passo a passo lindo e delicioso que a Jussara fez.
Eu adoro peixe, mas não gosto do cheiro que fica na casa então pensei que essa seria perfeita.
Aproveitei o domingo para fazê-la e não me arrependi nem um segundinho!
Como eu tava inspirada pela Jussara, também fiz meu passo a passo!
Como eu sempre digo.. receita fácil, prática e suuuuuper gostosa!
Espero que gostem tanto quanto eu gostei!

Ingredientes:
- 500 gramas de filet de peixe (da sua preferência. Usei Filet de St Peter - 4 filets grandes)
- 2 batatas grandes fatiadas em rodelas grossas
- 2 dentes de alho triturados (ou amassados)
- 2 cebolas grandes fatiadas em rodelas
- 1 pimentão grande fatiado em rodela
- 1 tomate grande fatiado em rodelas
- Cheiro verde, salsinha, etc
- Azeitonas verdes
- Azeite e sal a gosto
Como fazer:
Faça toda a montagem com a panela desligada.
Em uma panela grande, coloque cerca de 3 colheres de sopa de azeite e o alho.
Cubra com 1/3 das rodelas de cebola.

Coloque então, por cima, as fatias de batata.

Coloque mais 1/3 das rodelas de cebola.

Com cuidado, coloque os filets.

Cubra os filets com o restante da cebola, os tomates e os pimentões.

Por último, coloque os temperos verdes e as azeitonas.

O sal, como é muito a gosto, eu fui colocando BEM pouquinho, a cada camadinha nova.
E é isso mesmo, NAO vai agua nem caldo algum.
Tudo será cozido na própria água do peixe e dos legumes e podem acreditar com fé porque sai água até demais!
Bom, depois de tudo montadinho, tampe sua panela e deixe em fogo baixo por, pelo menos, 30 minutos.
No total, usando a charme turbo do meu fogão, no mais baixo possivel, a minha panela ficou cerca de 45 minutos no fogo.
Fui medindo no olhometro mesmo, vendo se o peixe e as batatas já estavam cozidos e também deixando secar a água.
Fica beeeeeeem levinho.
Delicia!